Nova formação do COMTUR estabelece metas de trabalho para o Turismo de Bananal


Com a nova composição em seu corpo diretivo para o biênio 2019-2021, o Conselho Municipal de Turismo de Bananal (COMTUR) realizou sua primeira reunião ordinária em 2019 no dia 13 de agosto no Centro Cultural Carlos Cheminand.

Contando com aproximadamente 40 pessoas, a reunião foi conduzida pelo novo Presidente do órgão, Diego Zoccola. Ele tem como Vice Presidente, Sheila Serpa e, como Secretário, Laurindo Almeida. Os três, sócio-proprietários de pontos comerciais no centro da cidade.

Juntamente com eles, integraram a mesa de trabalhos o Presidente da Câmara de Bananal, Ednaldo Valim Cabral, e o Presidente do COMTUR de Arapeí, Felipe Neri Vani. Ele veio acompanhado por seu Vice Presidente, Nassib Nemetala e proprietários de uma pousada do município vizinho. Também marcaram presença guias turísticos de Bananal, empresários, vereadores, secretários municipais, representantes de outros Conselhos locais e populares.

Diego Zoccola abriu a reunião agradecendo a presença de todos e prontamente elencou as metas iniciais de trabalho pretendidas pela nova diretoria do COMTUR em ação conjunta e solidária com variados segmentos do município.

A primeira delas focada na informação, divulgação e inscrição dos estabelecimentos e guias turísticos locais no CADASTUR, uma vez que o número de cadastrados de Bananal no sistema é muito baixo.

O CADASTUR é o cadastro dos prestadores de serviços turísticos legalmente constituídos e em operação. Executado pelo Ministério do Turismo em parceria com órgãos oficiais das unidades da Federação, ele é obrigatório em 7 atividades turísticas (acampamentos, agências, guias turísticos, meios de hospedagem, organização de eventos, parques temáticos e transportadora). Dentre as 8 atividades opcionais, não obrigadas a se cadastrar, estão restaurantes, cafeterias, bares e similares.

Outro ponto constante da pauta foi a abertura, em caráter emergencial, de um Centro de Atenção ao Turista no Centro Cultural Carlos Cheminand nos finais de semana e feriados. A idéia é contar com voluntários para fazer o atendimento por 3 meses, dando tempo à Prefeitura se adequar com a eventual escala de servidores após esse período.

A reunião serviu também para aprovar uma Moção de Aplausos aos organizadores do 1º Passeio Ciclístico Estação Ecológica Bananal pelo grande sucesso do evento.

Fora da pauta prevista, outras questões relevantes foram levantadas e deverão ter prosseguimento nos próximos encontros. Dentre elas, as trilhas para atrativos naturais que passam por propriedades privadas na Serra da Bocaina, normas de segurança para eventos, maior proximidade do Comtur com guias turísticos e empreendedores e conservação dos prédios históricos. Neste último, foi aprovada a proposta de envio de ofício à Prefeitura indagando sobre a perspectiva de reforma do Centro Cultural, prédio público que concentra o maior número de atividades sociais e culturais do município.

Ao final, foi definida a data de 20 de agosto para analisar, em reunião extraordinária, as propostas de projetos com a verba DADE contingenciada no início do ano e desbloqueada pelo governo estadual recentemente.


Share on Google Plus

Sobre Ricardo Nogueira

RICARDO LUÍS REIS NOGUEIRA, jornalista (Mtb. 32.204 RJ), foi um dos fundadores do jornal, atuando como Diretor Executivo e Redator Chefe desde 1987. Atualmente, é o Editor Responsável da Gazeta de Bananal e coordena o projeto do portal eletrônico do jornal na internet.