Desfile de 7 de setembro em São Paulo contou com 7,2 mil participantes


Desfile apresentou integrantes das Forças Armadas e órgãos da segurança pública

Por Camila Maciel – Repórter da Agência Brasil  São Paulo
Cerca de 7,2 mil pessoas desfilaram pela pista do Sambódromo do Anhembi em comemoração à independência do Brasil. Civis representaram entidades, escolas públicas e associações. A parada militar, por sua vez, contou com 4 mil integrantes da Marinha, do Exército, da Força Aérea Brasileira e órgãos de segurança pública, como as polícias Militar, Civil e a Guarda Civil Metropolitana.
Fabiana Nascimento, 44 anos, faz questão de trazer as filhas gêmeas, de 13 anos, para ver o desfile. “É importante pra desenvolver esse sentimento de patriotismo. Quando estávamos chegando, minha filha ouviu o Hino da Independência, mas ela não conhecia. Já eu aprendi na escola”, contou. Com capacidade para um público de 30 mil pessoas, as arquibancadas ficaram cheias nesta manhã. O número oficial ainda não foi divulgado pela organização.
Cátia Gustavo, 42 anos, trouxe a neta, a irmã e os dois sobrinhos para acompanhar a cerimônia que celebra a independência do Brasil. “A gente vem todos os anos. Só faltamos quando chove. Hoje o tempo ajudou”, relatou. O desfile, organizado pela SPTuris, empresa municipal de turismo e eventos de São Paulo, ocorre no sambódromo desde 1997.
O governador de São Paulo, João Doria, não compareceu ao evento. Ele foi representado pelo secretário de Segurança Pública, general João Camilo Pires de Campos.

Desfile

A primeira parte do evento foi o Desfile Cívico, com apresentação de entidades civis, alunos das redes municipal e estadual de ensino e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), associações militares e o Carpe Dien Moto Turismo.
A segunda parte do desfile apresentou integrantes das Forças Armadas e órgãos da segurança pública. Cães de guerra, viaturas do Exército, veículos das polícias Federal, Militar, Civil, da Polícia Técnico-Científica, da Guarda Civil Metropolitana, do Samu e da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) também desfilaram, além do grupamento Hipomóvel, composto por 110 militares montados a cavalo.
Houve ainda apresentação das aeronaves F-5 e C-95 Bandeirante. O público vibrou com o voo dos caças bem próximo às arquibancadas.
Share on Google Plus

Sobre Ricardo Nogueira

RICARDO LUÍS REIS NOGUEIRA, jornalista (Mtb. 32.204 RJ), foi um dos fundadores do jornal, atuando como Diretor Executivo e Redator Chefe desde 1987. Atualmente, é o Editor Responsável da Gazeta de Bananal e coordena o projeto do portal eletrônico do jornal na internet.