Alunos da rede pública participam de atividades no Viveiro Florestal de Taubaté


Iniciativas integraram 16ª edição da Semana Nacional de Ciência Tecnologia do Vale Paraíba, com apoio do Instituto Florestal

 Secom Governo de SP

O Viveiro Florestal de Taubaté, área protegida do Instituto Florestal, vinculado à Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado, promoveu uma ação da 16ª edição da Semana Nacional de Ciência Tecnologia do Vale Paraíba, no dia 24 de outubro. Neste ano, o evento abordou o tema “Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável”.
O espaço recebeu a visita de alunos do Ensino Médio de Tempo Integral da Escola Estadual Pereira de Mattos, localizada no município de Caçapava. Foi realizado um roteiro abrangendo os projetos de pesquisa e demais atividades desenvolvidas na unidade.
O principal objetivo foi promover um espaço de diálogo e troca de conhecimento entre estudantes, professores e funcionários do Viveiro Florestal. Durante a visita, os alunos trataram de diversos temas relacionados à atuação do Instituto Florestal, como pesquisa, conservação e restauração florestal, relação entre água e floresta, sequestro de carbono, produção de mudas e educação ambiental.
Conservação
Os estudantes conheceram o projeto de pesquisa que envolve o plantio de espécies nativas para o sequestro de carbono; a produção de artesanatos e brinquedos a partir de resíduos sólidos, no Projeto Eco-Oficina; o centro de visitantes com exposição relacionada ao combate à caça ilegal; o laboratório de pesquisa em análise e monitoramento de qualidade da água; simulador de chuvas; e o viveiro de mudas florestais.
A semana representa uma oportunidade de popularização do conhecimento científico e possibilita a disseminação das práticas e ações visando à conservação e recuperação das florestas, melhoria da qualidade ambiental e sustentabilidade.
O evento ocorre em âmbito nacional e é promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. Na região do Vale do Paraíba, as atividades são realizadas por meio de parceria entre diversas instituições, como a Universidade Estadual Paulista (Unesp), Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), Diretoria Regional de Ensino e Instituto Florestal.

Share on Google Plus

Sobre Ricardo Nogueira

RICARDO LUÍS REIS NOGUEIRA, jornalista (Mtb. 32.204 RJ), foi um dos fundadores do jornal, atuando como Diretor Executivo e Redator Chefe desde 1987. Atualmente, é o Editor Responsável da Gazeta de Bananal e coordena o projeto do portal eletrônico do jornal na internet.