Tribunal de Justiça institui trabalho remoto para servidores e magistrados até o final de abril


Medidas para evitar o contágio e disseminação do novo coronavírus proíbem o acesso aos prédios do TJSP no Estado, salvo atividades essenciais expressamente autorizadas

Da Redação, com informações da Assessoria de Imprensa do TJSP

O presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP), desembargador Geraldo Francisco Pinheiro Francisco, em vídeo gravado na segunda-feira (23), explicou as medidas adotadas pela Corte para evitar o contágio e disseminação do novo coronavírus.

Pinheiro Franco fala sobre a instituição do trabalho remoto para servidores e magistrados, que passa a vigorar a partir desta quarta-feira (25). A medida, tomada para resguardar a saúde da população e daqueles que utilizam os serviços do TJSP, vigorará até 30 de abril, conforme previsto em dois Provimentos editados pelo Conselho Superior da Magistratura. Nos dois primeiros dias desta semana, o Tribunal funcionou em esquema de plantão.



Provimento nº 2.549/20 estabelece o sistema em 1º Grau e o Provimento nº 2.550/20 trata da atividade no 2º Grau. Nos dois casos o trabalho funcionará em dias úteis, das 9 às 19 horas, suspendendo o trabalho presencial de magistrados, servidores, estagiários e colaboradores nas unidades judiciárias. Fica proibido o acesso aos prédios do TJSP no Estado, salvo atividades essenciais expressamente autorizadas.

O atendimento de partes, advogados, integrantes do Ministério Público e da Defensoria e de interessados será por e-mail institucional.

Na Comarca de Bananal, os e-mails para contato são:

Ofício judicial: bananal@tjsp.jus.br
Juizado especial cível e criminal: bananaljec@tjsp.jus.br
Administração: bananaladm@tjsp.jus.br


No período de trabalho do sistema remoto, serão apreciadas, exclusivamente, as matérias previstas no artigo 4º da Resolução nº 313/20 do CNJ. Os prazos processuais, audiências e sessões de julgamento (exceto as virtuais) continuam suspensos. No entanto, nesse período as unidades judiciais manterão, remotamente, a execução de expedientes, como a elaboração de decisões, votos, sentenças e minutas.

Os plantões ordinários (aos finais de semana e feriados) também serão de forma remota, com peticionamento eletrônico, das 9 às 13 horas.



* Atualizada às 17h09 para inserção dos e-mails de contato do Fórum da Comarca de Bananal, gentilmente cedidos pela equipe do MM. Juiz Dr. Daniel Calafate Brito.

Share on Google Plus

Sobre Ricardo Nogueira

RICARDO LUÍS REIS NOGUEIRA, jornalista (Mtb. 32.204 RJ), foi um dos fundadores do jornal, atuando como Diretor Executivo e Redator Chefe desde 1987. Atualmente, é o Editor Responsável da Gazeta de Bananal e coordena o projeto do portal eletrônico do jornal na internet.