Bananal deu início ao período de aulas remotas em seu plano de ação pedagógica


Pais e responsáveis devem se manter informados através da rede social da SME para acompanhar as diretrizes e interagir com a execução do plano


Na última segunda-feira (27), a secretaria da Educação de Bananal deu início à aplicação das aulas remotas para os alunos da rede pública municipal, em substituição às aulas presenciais.

A execução está pautada no Plano de Ação Pedagógica regulamentado em uma Resolução (nº 009/2020) da secretaria, datada de 20 de abril (veja a íntegra no final da matéria). O plano foi elaborado em conformidade com as medidas adotadas pelo governo do estado de São Paulo frente à necessidade de prevenção à Covid-19.

As aulas na rede municipal de Bananal foram suspensas em 23 de março, quando foi antecipado o período de férias devido à pandemia. Com o retorno oficial das aulas em 20 de abril, foi necessário reorganizar emergencialmente o calendário escolar evitando aglomeração nas escolas. A forma encontrada foi substituir as aulas presenciais pelo método de ensino remoto emergencial.

O método busca permitir ao aluno o efetivo trabalho escolar, com rotina e estímulo à aprendizagem para compor a carga de 80 horas mínimas de atividades obrigatórias fixadas pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB).

Neste sentido, foram estabelecidas diretrizes operacionais de teletrabalho com os professores da Educação Infantil, Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos. Foram inseridos o planejamento das atividades remotas, a organização de roteiros de estudos quinzenais, o regisrto de ações planejadas, a comunicação com os pais mediados pela tecnologia e a participação em reuniões da escola, entre outras diretrizes.

O gerenciamento do plano pedagógico foi dividido por etapas a serem executadas pelo quadro de pessoal da Educação, com professores, coordenadores pedagógicos, diretores de escolas, psicopedagogo, psicóloga, orientadores educacionais e equipe pedagógica.

No dia 27, em vídeo ao lado do prefeito municipal, a secretaria municipal da Educação, Namíbia Larchert Azevedo Carvalho da Gama teceu esclarecimentos sobre a aplicação do plano.


Ontem (28), em sua página no Facebook (clique aqui para acessar), a Secretaria Municipal de Educação de Bananal (SME) esclareceu aos pais e responsáveis de alunos o trabalho dos professores na elaboração das atividades remotas para este período de pandemia.

"Caso os alunos do 6º ao 9º ano, ainda não tenham recebido as atividades, pedimos a gentileza de que entrem em contato com nossas escolas para que seja atualizado os telefones de contato. Assim poderemos manter contato direto com cada aluno para que recebam os avisos de agendamento para retirada de apostilas nas escolas, para confirmar se receberam o material online. Para os alunos da Educação Infantil e do 1º ao 5º ano, divulgaremos o cronograma de retirada das apostilas nas escolas, para a próxima semana. Neste momento estamos distantes fisicamente, mas nos manteremos conectados, unidos através de nosso carinho e cuidado com os alunos. Qualquer dúvida, estamos à disposição - Equipe SME", informa a página.

Desta forma, é importante que os responsáveis pelos alunos passem a acessar constantemente a página da SME no Facebook para se manterem informados sobre as ações em execução pelo novo plano pedagógico.

Nesta quarta-feira (29), a página postou um vídeo com a psicóloga Mariângela Alves, da rede municipal de educação, voltada aos pais e responsáveis com orientações e dicas para a execução das atividades realizadas em casa com os alunos.



Veja abaixo a íntegra da Resolução, detalhando as diretrizes do Plano de Ação Pedagógica e o papel de cada segmento do quadro de pessoal da Educação.




Share on Google Plus

Sobre Ricardo Nogueira

RICARDO LUÍS REIS NOGUEIRA, jornalista (Mtb. 32.204 RJ), foi um dos fundadores do jornal, atuando como Diretor Executivo e Redator Chefe desde 1987. Atualmente, é o Editor Responsável da Gazeta de Bananal e coordena o projeto do portal eletrônico do jornal na internet.