Espaço Cultura de Bananal é adiado por tempo indeterminado por causa do coronavírus


Possibilidade de melhora no quadro crítico do combate ao coronavírus deixa expectativa
de realização do evento a partir de setembro

Da Redação, com informações da Assessoria de Comunicação da AMOVALE/Projeto Espaço Cultura Bananal

Após decisão tomada em conjunto com a Secretaria de Estado da Cultura, por consequência dos efeitos da Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus, foi adiada por tempo indeterminado a série de 4 eventos multiculturais do Projeto Espaço Cultura de Bananal, inicialmente prevista para começar em 28 de março. 

A expectativa e meta agora dos organizadores é de, havendo melhora no quadro da doença no país, elaborar a programação a partir de setembro deste ano, oferecendo literatura, circo, fotografia, cinema, teatro, jongo, dança e artesanato num mesmo espaço. 

As atividades do projeto irão acontecer no Ranchos Vale da Bocaina (Rancho do Baiano, Km 8 da SP 247), localizado entre a cidade e a Serra da Bocaina.

O evento é fruto de um exitoso projeto apresentado pela Associação de Moradores e Amigos do Vale da Bocaina – AMOVALE - junto ao Programa de Ação Cultural do Governo de São Paulo. Devidamente aprovado e inserido no PROAC, o projeto vai receber os recursos necessários para transformar a cidade num pólo cultural com eventos nos últimos sábados de cada mês. O que seria entre março e junho pode (no condicional) passar a ser entre setembro e dezembro.




Os organizadores pretendem fomentar a identidade cultural fortalecendo o status de estância turística de Bananal realçando seu potencial histórico e ecológico. O projeto pretende resgatar a memória e as tradições do município promovendo atividades de formação.

A coordenação do Espaço Cultura de Bananal - Amovale, está a cargo das associadas Dora Lima, diretora e produtora de TV e cinema há mais de 30 anos, e de Mônica Alvarenga, diretora e produtora teatral há mais de 40 anos.

As atividades do projeto serão divididas em turnos. Pela manhã haverá workshops e oficinas para crianças e jovens; à tarde, atividades de integração e intercâmbio cultural entre os artistas locais e os convidados de outras regiões, com aulas expositivas e trocas sobre seus respectivos processos criativos. À noite acontecem os shows com a participação de todos os artistas.

Durante quatro meses serão realizadas 7 oficinas para crianças e adolescentes, 3 exposições (desenho e fotografia) e mais 23 eventos múltiplos.



O Ranchos Vale da Bocaina será adequado para que o evento se torne fixo e tenha a estrutura permanente necessária para acolher o público de Bananal e turistas. Além disso, toda a mão-de-obra contratada será local, para fomentar a economia da cidade.

O acesso para a população que não tiver condições de chegar até o local será oferecido gratuitamente pela organização do evento. Todas as oficinas, workshops e shows serão gratuitos.




Share on Google Plus

Sobre Ricardo Nogueira

RICARDO LUÍS REIS NOGUEIRA, jornalista (Mtb. 32.204 RJ), foi um dos fundadores do jornal, atuando como Diretor Executivo e Redator Chefe desde 1987. Atualmente, é o Editor Responsável da Gazeta de Bananal e coordena o projeto do portal eletrônico do jornal na internet.