Codivap reelege presidente em clima de discórdia.

Em votação realizada em Mogi das Cruzes no dia 28 de janeiro, o Consórcio de Desenvolvimento Integrado do Vale do Paraiba (Codivap) reelegeu como presidente, pela terceira vez consecutiva, o prefeito de Ubatuba, Eduardo César. O mandato tem vigência de um ano.
Em disputa com a prefeita de Cruzeiro, Ana Karin, Eduardo César venceu por apenas dois votos de diferença (13 a 11, com uma abstenção).
Além do presidente, a direção do órgão será composta pelo prefeito de Aparecida, Márcio Siqueira, e pela prefeita de Campos do Jordão, Ana Cristina César.
O processo de eleição revelou divisões que há muito tempo não existiam no consórcio. Já era praxe a formação de apenas uma chapa articulada consensualmente pelos prefeitos dos 44 municípios que integram o órgão.
O direito a voto de inadimplentes foi outro ponto polêmico. Sob protestos da oposição, os municípios que não estavam em dia com as mensalidades (19 ao todo) foram impedidos de votar pela Mesa Diretora. Os inadimplentes não foram revelados publicamente, mas sabemos que Bananal nunca primou pela pontualidade nesses pagamentos, sobretudo por considerar o órgão pouco efetivo. 
Em 1970, o Codivap foi fundado num cenário em que não existiam transferências constitucionais automáticas e repasses como o FPM. Os prefeitos buscavam recursos diretamente nos gabinetes em São Paulo e Brasília. Inicialmente o Codivap era formado por municípios do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira. Bananal, então representado pelo prefeito Washington Luiz Carvalho Bruno, foi um dos municípios fundadores. Na última década o consórcio foi ampliado com o ingresso das cidades do Alto Tietê.
Com o objetivo de buscar o desenvolvimento da região através de discussões conjuntas, no transcorrer dos anos o consórcio foi se fragilizando e acabou virando um mero ponto de encontro entre prefeitos, sem nenhuma solução prática para as questões regionais.
A bandeira da oposição era justamente a modernização e a implantação de ações concretas.
O presidente reeleito assumiu o compromisso de discutir mudanças estruturais no consórcio já na próxima reunião agendada para o dia 18 de fevereiro em Guaratinguetá. Também pretende agendar audiência no Palácio dos Bandeirantes com Geraldo Alckmin para estreitar ainda mais o diálogo do consórcio com os órgãos de governo.
Share on Google Plus

Sobre Ricardo Nogueira

RICARDO LUÍS REIS NOGUEIRA, jornalista (Mtb. 32.204 RJ), foi um dos fundadores do jornal, atuando como Diretor Executivo e Redator Chefe desde 1987. Atualmente, é o Editor Responsável da Gazeta de Bananal e coordena o projeto do portal eletrônico do jornal na internet.