Eleitos em Bananal foram empossados em sessão especial na Câmara

 

Dr. William assume como um dos prefeitos mais jovens de Bananal; PSDB é o partido com mais cadeiras na Câmara

Por Ricardo Nogueira

Em sessão solene realizada na tarde de 1º de janeiro nas dependências da Câmara Municipal, foram empossados em Bananal o prefeito, vice-prefeito e os 9 vereadores eleitos no pleito de 15 de novembro do ano passado.

A sessão especial foi realizada no plenário Ernani Graça sem a presença de público em razão da pandemia provocada pelo novo coronavírus.

Conforme previsto na Lei Orgânica e no Regimento Interno da Câmara, a solenidade foi presidida pelo vereador mais votado nas eleições de 2020, Luiz Cosme Martins de Souza (PP).

Para o mandato 2021-2024 no comando do Poder Executivo municipal, foram empossados o prefeito William Landim da Silva (Republicanos) e o vice-prefeito Diego Zoccola Amorim (PSDB).

Advogado, produtor rural e comerciante, Dr. William assume como um dos mais jovens prefeitos da história de Bananal. Com 30 anos, completados em outubro, ele também é o primeiro eleito para o cargo com origem familiar no bairro do Rancho Grande. A localidade chegou a ter Luís Olavo Carraro Polônio na condição de prefeito em 2004, mas ele foi eleito como vice-prefeito em 2000, assumindo a chefia do Executivo em decorrência do afastamento do então prefeito Wilton Néri Pereira pela Câmara.

Diego Zoccola Amorim, além de presidir em Bananal o único partido que elegeu 3 vereadores em 2020, - o PSDB -, é empresário no setor rural e professor de línguas estrangeiras. Ex-jogador de voleibol, viveu no exterior durante a adolescência (Cuba) e em boa parte de sua vida adulta (Espanha). Nascido em Caçapava-SP, desde criança teve em Bananal - terra natal de seu pai -, um local de férias onde estabeleceu vínculos, decidindo residir no município por volta de 2014. Chegou a presidir o COMTUR - Conselho Municipal de Turismo, afastando-se do órgão ao decidir ingressar na política, reestruturando o PSDB na cidade. Diego chega ao cargo de vice-prefeito de Bananal aos 31 anos de idade.

LEGISLATIVO 

Para a Legislatura (2021-2024), a Câmara Municipal de Bananal  começa com o PSDB possuindo a maior bancada com três cadeiras.  Com duas estão o PP e o PSD. Com uma cadeira, juntamente com o PV está o Republicanos, partido do novo prefeito.

As urnas elegeram 4 vereadores pela primeira vez. Outros 4 foram reeleitos e uma ex-vereadora retorna ao cargo.

Esta é também uma Legislatura com número expressivo de representantes do gênero feminino, com 4 vereadoras ocupando 36% das cadeiras na Câmara Municipal.

Dentre os reeleitos está o candidato mais votado, o vereador Luiz Cosme Martins de Souza, do PP, com 293 votos. Martins inicia a sua 3ª Legislatura consecutiva. Também foram reeleitos os vereadores Ednaldo Valim Cabral (3º mais votado com 262 votos), Karyna Cláudia Barros Rodrigues, com 231 votos, e Osvaldo Ferreira, com 157 votos.

A segunda candidata mais votada foi a ex-vereadora Erika Tereza Coitinho Affonso, do PSDB, com 292 votos. Após duas legislaturas na Câmara ela não foi reeleita em 2016 e retorna ao Legislativo.

Dentre os 4 candidatos que conseguiram pela primeira vez a cadeira de vereador estão Victor Zoccola Amorim, do PSDB com 250 votos, Ângela Cristina Fontes da Silva, do Republicanos com 222 votos, Matilde Nassif Koury, do PSD com 216 votos e José Ricardo Rodrigues Leite Júnior, com 70 votos.

Dos 6.395 votos totalizados nas urnas, 93,07% foram válidos para o cargo de vereador. Votos nulos foram 280 (4,38%) e brancos somaram 163 votos (2,55%).




Share on Google Plus

Sobre Ricardo Nogueira

RICARDO LUÍS REIS NOGUEIRA, jornalista (Mtb. 32.204 RJ), foi um dos fundadores do jornal, atuando como Diretor Executivo e Redator Chefe desde 1987. Atualmente, é o Editor Responsável da Gazeta de Bananal e coordena o projeto do portal eletrônico do jornal na internet.